• Home
  • Associativismo
  • Futebol Clube Cesarense
Nome da instituição/entidade: Futebol Clube Cesarense

Data de fundação: 1 de janeiro de 1932

Corpos dirigentes:
Presidente – Luís Pinho
Vice-Presidentes – Ângelo Silva e Pedro Freitas

Sede:
Estádio do Mergulhão
Lugar do Mergulhão – 3700-606 Cesar

Contactos e morada postal:
Estádio do Mergulhão
Lugar do Mergulhão – 3700-606 Cesar
www.fccesarense.com
Secretaria aberta de segunda a sexta-feira, entre as 18h00 e as 20h30
email – Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Tel/Fax – 256851343


Breve resenha histórica:
O Futebol Clube Cesarense, sedeado na Vila de Cesar, Concelho de Oliveira de Azeméis, foi fundado em 1 de Janeiro de 1932, corporizando um desejo dos rapazes da freguesia que jogavam à bola debaixo do arvoredo existente na Praça da Liberdade, na Gândara. Naquele dia, um punhado de homens reuniu no salão da “Vila Diogo” com a finalidade de “criar um organismo de desporto baseado, principalmente, nas regras do Futebol, em harmonia com a lei e conforme estatutos em vias de organização.”

Presidiu à reunião, Manuel Gomes Correia que se encontrava ladeado por Júlio Portal e Silva, como Vice-presidente, Artur Gomes de Melo e Samuel da Silva Paiva respetivamente como 1º e 2º Secretários. Passado ano e meio, no dia 20 de Agosto de 1933, foram apresentados aos Cesarenses os estatutos que regeriam o clube. Depois de aprovados, assinaram a respetiva ata, para além dos acima mencionados, mais vinte e quatro cidadãos.

Os primeiros órgãos Sociais do Futebol Clube Cesarense estavam assim constituídos:
Direção
Presidente: António Gomes Correia Júnior;
Vice-presidente: Gonçalo Francisco de Oliveira;
1º Secretário: Francisco Gomes dos Reis;
2º Secretário: Manuel Ferreira Henriques;
Tesoureiro; Manuel Godinho de Azevedo;
1º e 2º Vogais: Luís José da Silva e Domingos José da Silva;
Concelho Fiscal
Dr. António Portal e Silva, Américo Dias de Oliveira, Daniel Ferreira de Castro e Elísio Ferreira Henriques (suplente);
Comissão Técnica
Francisco Alves de Azevedo (Capitão Geral do Clube), António Alves da Silva Artur Vasconcelos e João Mendes.

O primeiro passo foi dado com a construção de um campo de jogos no Mergulhão e a estreia do Futebol Clube Cesarense teve lugar com a realização de um encontro contra a equipa do Estrela e Vigorosa, do Porto, enquanto a primeira partida oficial foi disputada contra a equipa de Vale-Cambrense. O Futebol Clube Cesarense conquistou a primeira vitória do seu longo e relevante Historial ao sagrar-se campeão do Campeonato da Despromoção de Aveiro.

Ainda no ano de 1935 o Cesarense teve, numa ação quase pioneira a nível nacional, duas equipas de futebol feminino formadas por jovens da freguesia.

Na época em que completava as suas bodas de ouro, 1982/1983 o Futebol Clube Cesarense, orientado por Diogo Vilano, e presidido por Franclim Aguiar de Freitas, sagrou-se, brilhantemente, Campeão distrital de Aveiro, ascendendo por mérito próprio ao Campeonato Nacional da 3ª Divisão série B. Daí em diante, houve como seria de esperar, momentos melhores e piores ao nível desportivo. Subidas e descidas que nunca causaram o esquecimento de todo o bolo que envolve um Clube de Futebol. A prova está na época 1987/1988 em que o Cesarense escriturou e passou a ser legítimo proprietário do então campo do Mergulhão. A década de 90 marcou uma reviravolta profunda que levou o velhinho campo do mergulhão a ser totalmente renovado. A inauguração foi em 26 de Novembro de 2000 pelo então presidente da Câmara e Cesarense o Sr. Ângelo da Silva Azevedo que posteriormente inauguraria um campo de treinos e um polidesportivo mais propriamente em 31 de Agosto do mesmo ano.

As cerimónias de festejo das bodas de diamante, contaram com a presença do Exmo Sr. Presidente da Câmara, Ápio Assunção, o presidente da A.F.A., Dr. Elísio Carneiro e o Dr. Hermínio Loureiro, presidente da Liga Profissional de Futebol, entre outros.

Em 2007/2008 vence pela primeira vez a Taça distrital de Aveiro. Rui França, Ramalho e João Pedro, formavam a equipa técnica.

Em 2008/2009 foram campeões e subiram aos nacionais. Depois de subir à 3ª Divisão nacional, o Cesarense é Vice-Campeão nesta divisão e aos 78 anos (2009/2010), sobe pela primeira vez à 2ª Divisão Nacional, terceiro patamar do futebol português. O Presidente era Luís Pinho (continua na atualidade) e fica para a história como o primeiro Presidente a subir dois anos consecutivos. Da 1ª Distrital à 3ª Nacional e desta à 2ª Divisão nacional.

Autarquia homenageia Futebol Clube Cesarense pela subida de divisão
Data: 04/06/2010 Durante a homenagem o Dr. Hermínio Loureiro, presidente da autarquia, elogiou os jogadores, a equipa técnica e a direção do clube. O clube conseguiu, em apenas duas épocas, a proeza de ascender da primeira divisão distrital da Associação de Futebol de Aveiro à segunda divisão nacional, um «feito histórico» salientado pelo presidente da autarquia na receção feita à equipa. «É fundamental reconhecer e dar os parabéns por todo o esforço do clube que deixa orgulhosa a freguesia de Cesar e o concelho de Oliveira de Azeméis», disse Hermínio Loureiro salientando que a subida «traz não só notoriedade e projeção mas também mais responsabilidades». Para o presidente do município a equipa «está duplamente de parabéns pela subida de divisão em duas épocas consecutivas e por ter conseguido este feito em condições financeiras pouco favoráveis».

Segundo o autarca, a equipa não se deve iludir com este sucesso desportivo devendo continuar a «apostar na formação enquanto meio para garantir o êxito». «O sucesso só se atinge com a formação e a aposta nas camadas jovens», frisou Hermínio Loureiro num apelo aos dirigentes da coletividade presidida por Luís Pinho. «A autarquia persiste na estratégia de enriquecimento dos valores do município em todas as áreas, incluindo o desporto, e neste sentido o Cesarense poderá contar com o nosso apoio para melhorar o seu parque desportivo», afirmou. «Apesar das dificuldades financeiras a Câmara Municipal assumirá as suas responsabilidades podendo os dirigentes do clube contar com a colaboração da autarquia para que a associação possa continuar a projetar a freguesia de Cesar e o concelho de Oliveira de Azeméis», disse Hermínio Loureiro. A receção à equipa decorreu na sala de reuniões do município onde estiveram presentes ainda a vereação e o presidente da Junta de Freguesia, Rodrigo Silva para quem «a cerimónia ficará na história do clube e do concelho».

Neste clube em permanente crescimento, procedeu-se na altura às obras de beneficiação do campo nº 2, iniciadas a 18 de junho. A colocação de tapete sintético e abertura do túnel de acesso aos balneários do Estádio do Mergulhão, que vem dar à formação melhores condições para a prática desportiva. 11 de setembro de 2010 – realizou-se o 1º jogo oficial no sintético.

Em 2 de Outubro de 2010 renasce o futebol feminino, e logo no primeiro ano conquista a taça nacional de promoção. No dia 02-06-2012, em Bustelo conquistam a taça de Aveiro em jogo contra o Feirense, com Andreia Norton, a primeira atleta internacional do F. C. Cesarense. Nesse ano sobem ao escalão máximo do futebol feminino.

Atualmente o futebol sénior continua em alta, estando tanto a equipa masculina como feminina a jogar nos campeonatos nacionais. A formação conta com cerca de centena e meia de atletas e com condições logísticas consideradas das melhores do concelho. Este ano inaugurou-se o Departamento de Psicologia do Desporto, havendo deste modo um olhar de crescimento educacional e social a todas as crianças, jovens e adultos, que fazem parte da estrutura do clube.

Com fama de inconformados, o F.C. Cesarense é e será sempre, um clube em crescimento.
Bookmakers bonuses with gbetting.co.uk click here